skip to Main Content
westie-terrier-feliz
Bem vindo ao Holywestie

Bem, eu poderia gastar horas e horas do seu tempo explicando que somos criadores por isso e por aquilo. Que temos as melhores matrizes, os melhores cães, mas, resolvi resumi tudo em uma única frase:

SOMOS APAIXONADOS POR CACHORROS!

Claro que gostamos de todo tipo de cachorro: do alto, do baixo, do forte, do magro, do peludo, do careca… só que, paixão, paixão mesmo, daquelas arrebatadoras, só aconteceu por esses pequenos invocados.

Desde 2006, quando tivemos o prazer de ter contato com a raça, fomos aos poucos, e sem saber, nos tornando criadores. Embora no início, não tínhamos a menor pretensão de chegar onde chegamos.

Nosso primeiro Westie se chama Odim, cujo nome significa deus da sabedoria. E com essa sabedoria, ele nos conquistou. Aos poucos nos vimos envolvidos com os problemas da raça, com a tosa, pesquisando sobre doenças etc.

Odim é o típico Westie. Forte, bonito, sábio…mas ao mesmo tempo, cheio de todos os problemas peculiares à raça: alergias, dermatites, atopia etc. Os problemas começaram quando ele completou um pouco mais de 2 anos e nunca mais cessaram.

A cada ciclo de problemas, eu me perguntava se ele era “premiado” ou se havia um jeito de evitar essas doenças (obviamente não preciso explicar como nós sofríamos vendo-o com problemas de pele).

Enfim! A busca pelo conhecimento nos fez descobrir muitos detalhes do manejo correto, da seleção genética, do trabalho feito pelos grandes criadores da raça mundo afora.

Assim, em 2010, comecei a escrever um blog sobre eles. Afinal, eu tinha que dividir tudo aquilo que tínhamos aprendido. Eu acredito na máxima: o conhecimento foi feito para ser compartilhado!

E assim nasceu o blog, que você pode acessar clicando aqui e ler a todos os artigos publicados desde então.

Paralelamente ao blog, fomos descobrindo a arte da criação de cães. Aos poucos, os Westies foram se tornando integrantes de nossa família (que hoje, confesso, tem mais cachorro que gente). Mas não reclamo, damos muitas risadas junto deles.

Em nossa casa, nenhum cão fica preso em coleira ou corrente. Nenhum é criado em cercadinho e nenhum tem sua vida voltada somente para produção de filhotes e para exposições.

Exposição de cães é um lugar onde os cães, as vezes, passam infindáveis horas presos em caixas de transporte, viajando Brasil afora. Este não é e nem nunca será nosso objetivo maior.

O nome Holywestie

Holy significa santo, sagrado em inglês.  Westie é o apelido carinhoso que esta raça ganhou nos EUA, onde é muito popular. Foi assim que registramos nosso trabalho junto ao Kennel Club – o clube que associa os criadores de cães de raça. Dessa forma, todos os cães nascidos em nosso convívio é um Holywestie.

E por falar em Holywestie, gostaríamos de aproveitar para agradecer à todos os “Holywestie Lovers”. Vocês não sabem como ficamos orgulhosos quando vemos as carinhas felizes e o amor que vocês dedicam aos nossos bebes (sim, para nós sempre serão nossos bebes rs).

Obrigada por confiarem em nosso trabalho – sem vocês nada disso seria possível! Espero ter cumprido nosso maior objetivo que é encaminhar “melhores amigos” a cada um de vocês.

E a você que está por aqui só navegando, bem vindo ao nosso espaço e ao jeito Holywestie de ser!

Send this to a friend